História de Olhos-dÁgua

Fundada em , a cidade que faz parte da microrregião de Bocaiúva, na mesorregião do Norte de Minas, Olhos-dÁgua tem um total de 2091.43 km², com uma população de 5385 habitantes, divididos entre o distrito-sede, e os distrito de Pimenta de São Serafim, Ribeirão de Santo Agostinho e Três Dias, sendo um município região de influência de Montes Claros - Capital Regional B (2B), fazendo divisa com os municípios de , sendo os nascentes na cidade chamados de olhos-daguense.

Olhos-dÁgua-MG

Fundada em , a cidade que faz parte da microrregião de Bocaiúva, na mesorregião do Vale do Rio Doce, Olhos-dÁgua tem um total de 2091.43 km², com uma população de 5385 habitantes, divididos entre o distrito-sede, e os distrito de Pimenta de São Serafim, Ribeirão de Santo Agostinho e Três Dias, sendo um município região de influência de Montes Claros - Capital Regional B (2B), fazendo divisa com os municípios de , sendo os nascentes na cidade chamados de olhos-daguense.

História de Olhos-dÁgua

A história de Olhos D′Água tem grande ligação com as histórias dos municípios de Bocaiúva, Montes Claros e Diamantina. Outrora Distrito de Bocaiuva em 1977 se emancipou politicamente, acontecendo as primeiras eleições municipais.

A Bacia do Rio Jequitinhonha é historicamente relacionada com a sua formação social e econômica, tendo como fato principal o ciclo da mineração que se estendeu do século XVII a IX.

Foram as primeiras entradas baianas de pesquisa mineral, na busca de ouro e diamante, para a Coroa Portuguesa, no século XVI, que atingiram o Norte de Minas. Alguns historiadores afirmam que a primeira expedição a penetrar na região norte-mineira foi a de Espinosa e Navarro. Partindo de Porto Seguro em 13 de julho de 1553, foi se dispersando, deixando componentes em pontos escolhendo as melhores terras, povoando a região, (Fernandes Ribeiro, 1988).

Em 1573, também partindo de Porto seguro, a Bandeira de Sebastião Fernandes Tourinho, atingiu regiões do Rio Jequitinhonha e do rio Araçuai.

A segunda entrada para o Norte de Minas foi a grande Bandeira de Fernão Dias Pais, que partiu de São Paulo em 21 de julho de 1674, em busca de esmeraldas e outras pedras preciosas. Nessa bandeira, Matias Cardoso, organizou-se nas margens do Rio São Francisco, instalando grandes fazendas de apoio aos Bandeirantes e para criação de gado. Antônio Gonçalves Figueira, guia da Bandeira de João Amaro, que saiu de São Paulo em 1691, instalou também grandes fazendas na região de Jaíba, Montes Claros e Olhos D′ Água, (Fernandes Ribeiro, 1988).

O escritor André João Antonil (Cultura e Opulência do Brasil, por sua Drogas e Minas, 1711), registra que após a divulgação do achado e ouro em Ouro Preto, por um mulato de Taubaté, é que houve maior deslocamento de mineradores para Minas Gerais, atingindo a região do Sêrro do Frio e o Arrial do Tijuco (atual Diamantina).

É importante ressaltar que em 1820 o padre naturalista francês Auguste de Saint-Hilare, passou pelo Norte de Minas registrando a presença de várias famílias grandes e tradicionais que povoaram vários pontos do Município.

A região de Olhos D′Água, foi povoada em função destas mesmas atividades mineradoras, pois era o caminho que ligava Montes Claros a Diamantina, que unia os vales do São Francisco e Jequitinhonha.

Na origem de Olhos D′Água, o primeiro nome de do vilarejo foi Pasto das Éguas, dado a condição de ser pouso dos tropeiros, o apoio dos Bandeirantes, Sertanistas e mineradores, nas suas andanças.

Mais tarde devido a presença de três nascentes de água, que os moradores do local usufruíam conduzindo água até mesmo para os quintais de suas casas, deu-se o nome de Santana de Olhos D′Água. O nome Santana, teve influência de famílias provenientes de Diamantina e talvez origens relacionadas com os Bandeirantes, que resolveram se instalar. Este construíram, com ajuda de escravos, uma igreja, já sob influência da tradição de Diamantina.

Algumas fazendas como Lages de Diamantina e Ribeirão, tiveram grandes influências no desenvolvimento de Olhos D′Água. A primeira foi ponto, muitas vezes, de recolhimento de família baianas, fugindo da seca.

A Segunda era o refúgio de escravos que os bandeirantes usavam em suas expedições. Muitos descendentes das famílias tradicionais de Olhos D′Água ainda moravam na Fazenda Ribeirão, que hoje é um vilarejo.

O povoado de Olhos D′Água nascia sobre influência de várias famílias tradicionais, dentre elas as famílias Dias, Vieira e Praes, havendo fusões como Vieira Dias, etc.

Origem do Nome

Formação administrativa

Distrito criado com a denominação de Santana de Olhos dÁgua, pela Lei Provincial nº 1563, de 21-07-1868, e lei estadual nº 2, de 14-09-1891, subordinado ao município de Montes Claros.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o distrito de Santana de Olhos DÁgua, figura no município de Montes Claros.

Pela Lei Estadual nº 843, de 07-09-1923, o distrito de Santana de Olhos DÁgua tomou a denominação de Olhos-d`Água e foi transferido do município de Montes Claros para o de Bocaiúva.

Elevado à categoria de município com a denominação de Olhos-d`Água, pela Lei Estadual nº 12030, de 21-12-1995, desmembrado de Bocaiúva. Sede no antigo distrito de Olhos d`Água atual Olhos-d`Água. Constituído do distrito sede. Instalado em 01-01-1997.

A Lei Municipal Nº 347 de 20/10/2014 criou os distritos de Pimenta de São Serafim, Ribeirão de Santo Agostinho e Três Dias

Bandeira e Brasão

Bandeiras da cidade de Olhos-dÁgua, Minas Gerais, Brasil.
Brasão da cidade de Olhos-dÁgua, Minas Gerais, Brasil.

Geografia

População

População [2022]: 5385 (IBGE)

Densidade Demográfica [2021]: 2.57 hab./km² (IBGE)

Território

Área Total: 2091.43 km² (FJP)

Área Urbanizada [2019]: 1.02 km² (IBGE)

Divisas:

Distrito Área Total
Olhos-dÁgua 1469.68 km² 70.27 %
Pimenta de São Serafim 198.91 km² 9.51 %
Ribeirão de Santo Agostinho 193.87 km² 9.27 %
Três Dias 228.97 km² 10.95 %
Total 2091.43 km²

Aspectos Naturais

Clima:

Índice Médio Pluviométrico Anual:

Hidrografia:

Bioma: Cerrado

Vegetação:

Fauna:

Relevo:

Altitude: Máxima:

Economia

Agropecuária:

Extrativismo:

Indústria:

Comércio e Serviços:

Impostômetro | Arrecadação de Impostos 2019 a 2022:

2019: 2020: 2021: 2022:

Mais Dados:

PIB per capita [2020] R$
Receitas de Fontes Externas [2015] %
Salário médio mensal dos trabalhadores formais [2021] 1,7 salários mínimos
Pessoal Ocupado [2021] 9.944 pessoas
População Ocupada [2021] 19,68%
Mortalidade Infantil [2020] 4,84 óbitos por mil nascidos vivos
Internações por diarreia [2016] 1,1 internações por mil habitantes

Educação

Escolas Estaduais:

Escolas Municipal:

Escolarização de 6 a 14 anos [2010]
IDEB – Anos iniciais do E.F [2021]
IDEB – Anos finais do E.F [2021]
Matrículas no E.F [2021]
Matrículas no E. Médio [2021]
Docentes no E.F [2021]
Docentes no E. Médio [2021]
Escolas: E.F [2021]
Escolas: E. Médio [2021]

Cultura

Datas comemorativas

Dezembro - Dia da Emancipação Política do Município

Relação de Bens Protegidos pelo Município, pela União ou pelo Estado

Folias de Minas (Proteção Estadual)
Violas de Minas (Proteção Estadual)

Patrimônio Cultural

Turismo

Turismo Histórico-Cultural:

Ecoturismo:

Turismo Rural:

Turismo de Esportes:

Turismo de Negócios:

Turismo Gastronômico:

Turismo Religioso:

Esporte

Futebol: Campeonato Municipal

Futsal:

Ciclismo:

Atletismo:

Esportes Radicais:

Bairros, Distritos e Comunidades Rurais

Distritos de Olhos-dÁgua

Atualmente são 4 distritos, Olhos-dÁgua (distrito-sede), Pimenta de São Serafim, Ribeirão de Santo Agostinho e Três Dias.

1. Olhos-dÁgua

O distrito-sede de Olhos-dÁgua tem uma área de 1469.68 km² dos 2091.43 km², ou seja, 70.27% do território.

Mapa do Distrito de Olhos-dÁgua

2. Pimenta de São Serafim

O distrito de Pimenta de São Serafim tem uma área de 198.91 km², ou seja, 9.51% do território, a lei de criação do distrito é a Lei Municipal Nº 347 de 20/10/2014.

Mapa do Distrito de Pimenta de São Serafim

3. Ribeirão de Santo Agostinho

O distrito de Ribeirão de Santo Agostinho tem uma área de 193.87 km², ou seja, 9.27% do território, a lei de criação do distrito é a Lei Municipal Nº 347 de 20/10/2014.

Mapa do Distrito de Ribeirão de Santo Agostinho

4. Três Dias

O distrito de Três Dias tem uma área de 228.97 km², ou seja, 10.95% do território, a lei de criação do distrito é a Lei Municipal Nº 347 de 20/10/2014.

Mapa do Distrito de Três Dias

Comunidades Rurais

Comunidades Quilombolas

Mapa da Cidade de Olhos-dÁgua

Tempo na Cidade de Olhos-dÁgua

Fontes:

IBGE, Fundação João Pinheiro, Site da Prefeitura de Olhos-dÁgua, Iepha, Cefedes, Wikipédia, Minas, Emater.