Home > Taparuba > História de

História de Taparuba

Fundada em , a cidade que faz parte da microrregião de Aimorés, na mesorregião do Vale do Rio Doce, Taparuba tem um total de 193.43 km², com uma população de 3387 habitantes, divididos entre o distrito-sede, e o distrito de São Sebastião de Três Barras, sendo um município região de influência de Ipanema - Centro de Zona B (4B), fazendo divisa com os municípios de , sendo os nascentes na cidade chamados de taparubense.

Taparuba-MG

Fundada em , a cidade que faz parte da microrregião de Aimorés, na mesorregião do Vale do Rio Doce, Taparuba tem um total de 193.43 km², com uma população de 3387 habitantes, divididos entre o distrito-sede, e o distrito de São Sebastião de Três Barras, sendo um município região de influência de Ipanema - Centro de Zona B (4B), fazendo divisa com os municípios de , sendo os nascentes na cidade chamados de taparubense.

História de Taparuba

Com o expansionismo das bandeiras e a criação de arraiais como a da Vila José Pedro, atual Ipanema, muitas famílias migraram em busca de estabelecimento econômico e social. A região onde se encontra o município de Taparuba teve seu início em função da ocupação de familiares dos mesmos desbravadores da cidade de Ipanema, os senhores Severino Alves Pereira e José Rodrigues Teodoro, e organização de pequenas lavouras agrícolas ao redor de córregos vizinhos a atual cidade.

O marco da construção fora a iniciativa de erguer uma capela em 1881 para consolidar a instalação do povoado e facilitar a ida a cultos, em função da distâncias das terras dos posseiros da sede do arraial do Rio José Pedro.

O terreno para a construção foi doado pelo Sr. Gabriel Rodrigues. E com a ajuda de muitas pessoas, foi erguida a capela de São José, sendo a primeira missa celebrada pelo Padre Crespo.

A iniciativa de construção da capela foi o marco fundador do povoado que desde então passou a se chamar São José da Ponte Nova. Este nome foi dado em função do povoado ser dividido pelo Rio José Pedro, necessitando de uma ponte para o encontro dos dois lados do arraial.

Com o crescimento do pequeno comércio local, o estabelecimento de algumas casas e a construção da primeira escola, no início do século XX o então arraial da Ponte Nova ganhou espaço em meio a política local e se tornou distrito de Manhuaçu, no ano de 1911.

O nome do distrito vinha apresentando problemas aos moradores do município em função do extravio de correspondência para o também distrito Ponte Nova, já existente, e não agradava os moradores em função de seu tamanho.

Origem do Nome

Em consulta a um indígena da região, descobriu-se que para os antigos moradores Ponte significava "tapa" e Nova significava "ruba". A junção das duas palavras indígenas deu origem ao novo nome do distrito, que fora acatado em Lei no dia 07 de setembro de 1923, com a presença do pároco local e do primeiro prefeito do município de Ipanema.

Formação administrativa

Se tornou distrito de Manhuaçu, no ano de 1911.

São José da Ponte Nova (atual Taparuba) é elevado á categoria de município pela Lei estadual nº 12030, de 21 de dezembro de 1995.

Bandeira e Brasão da Cidade de Taparuba

Geografia

População [2022]: 3387 (IBGE)

Densidade Demográfica [2022]: 17.51 hab./km² (IBGE)

Área Total: 193.43 km² (FJP)

Área Urbanizada [2019]: 0.76 km² (IBGE)

Divisas:

População

Distrito Criação População % População
Taparuba 2756 hab. 81.37%
São Sebastião de Três Barras 2014 631 hab. 18.63%
- - 3387 hab. -

Território

Distrito Área Densidade % Área
Taparuba 150.08 km² 18.36 hab/km² 77.59%
São Sebastião de Três Barras 43.35 km² 14.56 hab/km² 22.41%
- 193.43 km² 17.51 hab/km² -

Aspectos Naturais

Clima:

Índice Médio Pluviométrico Anual:

Hidrografia:

Bioma: Mata Atlântica

Vegetação:

Fauna:

Relevo:

Altitude: Máxima:

Economia

Agropecuária:

Extrativismo:

Indústria:

Comércio e Serviços:

Impostômetro | Arrecadação de Impostos 2019 a 2022:

2019: 2020: 2021: 2022:

Mais Dados:

PIB per capita [2020] R$
Receitas de Fontes Externas [2015] %
Salário médio mensal dos trabalhadores formais [2021] 1,7 salários mínimos
Pessoal Ocupado [2021] 9.944 pessoas
População Ocupada [2021] 19,68%
Mortalidade Infantil [2020] 4,84 óbitos por mil nascidos vivos
Internações por diarreia [2016] 1,1 internações por mil habitantes

Educação

Escolas Estaduais:

Escolas Municipal:

Escolarização de 6 a 14 anos [2010]
IDEB – Anos iniciais do E.F [2021]
IDEB – Anos finais do E.F [2021]
Matrículas no E.F [2021]
Matrículas no E. Médio [2021]
Docentes no E.F [2021]
Docentes no E. Médio [2021]
Escolas: E.F [2021]
Escolas: E. Médio [2021]

Cultura

Datas comemorativas

Dezembro - Dia da Emancipação Política do Município

Relação de Bens Protegidos pelo Município, pela União ou pelo Estado

Folias de Minas (Proteção Estadual)
Violas de Minas (Proteção Estadual)

Patrimônio Cultural

Turismo

Turismo Histórico-Cultural:

Ecoturismo:

Turismo Rural:

Turismo de Esportes:

Turismo de Negócios:

Turismo Gastronômico:

Turismo Religioso:

Esporte

Futebol: Campeonato Municipal

Futsal:

Ciclismo:

Atletismo:

Esportes Radicais:

Bairros, Distritos e Comunidades Rurais

Distritos de Taparuba

Atualmente são 2 distritos, Taparuba (distrito-sede) e São Sebastião de Três Barras.

1. Taparuba

O distrito-sede de Taparuba tem uma área de 150.08 km² dos 193.43 km², ou seja, 77.59% do território.

Mapa do Distrito de Taparuba

2. São Sebastião de Três Barras

O distrito de São Sebastião de Três Barras tem uma área de 43.35 km², ou seja, 22.41% do território, a lei de criação do distrito é a Lei Municipal Nº 438 de 28/08/2014.

Mapa do Distrito de São Sebastião de Três Barras

Comunidades Rurais

Comunidades Quilombolas

Mapa da Cidade de Taparuba

Tempo na Cidade de Taparuba

Fontes:

IBGE, Fundação João Pinheiro, Site da Prefeitura de Taparuba, Iepha, Cefedes, Wikipédia, Minas, Emater.