Home > Caratinga > História de

História de Caratinga

Fundada em , a cidade que faz parte da microrregião de Caratinga, na mesorregião do Rio Doce, Caratinga tem um total de 1258.69 km², com uma população de 87360 habitantes, divididos entre o distrito-sede, e os distrito de Cordeiro de Minas, Dom Lara, Dom Modesto, Patrocínio de Caratinga, Santa Efigênia de Caratinga, Santa Luzia de Caratinga, Santo Antônio do Manhuaçu, São Cândido, São João do Jacutinga e Sapucaia, sendo um município região de influência do Arranjo Populacional de Belo Horizonte/MG - Metrópole (1C) , fazendo divisa com os municípios de , sendo os nascentes na cidade chamados de bugrense.

Caratinga-MG

Fundada em , a cidade que faz parte da microrregião de Caratinga, na mesorregião do Rio Doce, Caratinga tem um total de 1258.69 km², com uma população de 87360 habitantes, divididos entre o distrito-sede, e os distrito de Cordeiro de Minas, Dom Lara, Dom Modesto, Patrocínio de Caratinga, Santa Efigênia de Caratinga, Santa Luzia de Caratinga, Santo Antônio do Manhuaçu, São Cândido, São João do Jacutinga e Sapucaia, sendo um município região de influência do Arranjo Populacional de Belo Horizonte/MG - Metrópole (1C) , fazendo divisa com os municípios de , sendo os nascentes na cidade chamados de bugrense.

História de Caratinga

Caratinga, desde os anos de sua fundação até quando foi elevada à cidade, teve um crescimento incipiente e irregular. A construção da Capela de São Batista e a vinda do primeiro religioso, o Padre Maximiano João da Cruz, forma destaques neste período. Lazadro do Val, afirma que “era a pequena capela, inacabada e tosca, o único sinal de civilização da terra, que permanecia segregada e inóspita”.

Esta situação somente viria a mudar após a emancipação política de Manhuaçu, a quem pertencia Caratinga, em 1890. Com a Proclamação da República, sobressaiam na cidade o trabalho de vários “republicanos históricos”, dentre os quais é preciso destacar José Cristino da Silveira, Tobias Manassés Viana e Symphrônio Fernandes.

Segundo Lázaro do Val, esta tríade e mais alguns outros republicanos organizaram um comício no alto do Itaúna e, no dia 30 de setembro de 1889, “saudaram com enorme foguetório” a futura República do Brasil. Quando ele esteve em nossa cidade, em campanha pelo regime republicano, João Pinheiro havia prometido que se a mesma fosse implantada Caratinga conseguiria sua emancipação. E de fato, três meses após a implantação da República, isto ocorreu.

Origem do Nome

Formação administrativa

Distrito criado com a denominação de São João do Caratinga, pela Lei Provincial n.º 2.027, de 01-12-1873, subordinado ao município de Manhuassu.

Elevado à categoria de vila com a denominação de Caratinga, pelo Decreto Estadual n.º 16, de 06-02-1890, desmembrado de Manhuassu. Sede na antiga povoação de São João do Caratinga. Constituído de 6 distritos: Caratinga, Bom Jesus do Galho, Cuieté, Entre Folhas, Floresta, Santo Antônio do Manhuassu e São Francisco Vermelho. Instalado em 12-05-1892.

Pelo Decreto Estadual n.º 63, de 12-05-1890, e Lei Estadual n.º 2, de 14-09-1891, é criado o distrito de Vermelho Novo e anexado ao município de Caratinga.

Pelo Decreto Estadual n.º 242, de 21-11-1890, e Lei Estadual n.º 2, de 14-09-1891, é criado o distrito de Inhapim e anexado ao município de Caratinga.

Pelo Decreto Estadual n.º 418, de 11-03-1891, o município de Manhuassu adquiriu do município de Caratinga o distrito de Santo Antônio do Rio José Pedro.

Elevado à condição de cidade com a denominação de Caratinga, pela Lei Estadual n.º 23-05-1892.

Pela Lei Municipal n.º 116, de 30-09-1901, é criado o distrito de Imbé e anexado ao município de Caratinga.

Pela Lei Estadual n.º 556, de 30-08-1911, são criados os distritos Resplendor e Tarumirim (ex-povoado de Patrimônio do Cunha) e anexados ao município de Caratinga.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, município é constituído de 12 distritos: Caratinga, Bom Jesus do Galho, Cuieté, Entre Folhas, Floresta, Imbé, Inhapim, Resplendor, Santo Antônio do Manhuassu, São Francisco do Vermelho, Tarumirim e Vermelho Novo.

Pelas Leis Estaduais n.º 663, de 18-09-1915, e n.º 673, de 05-09-1916, transfere o distrito de Resplendor do município de Caratinga para o de Aimorés.

Nos quadros de apuração do Recenseamento Geral de 1-IX-1920, o município aparece constituído de 10 distritos: Caratinga, Bom Jesus do Galho, Cuieté, Entre Folhas, Floresta, Imbé, Inhapim, Santo Antônio do Manhuassu, Tarumirim e Vermelho Novo.

A Lei Estadual n.º 843, de 07-09-1923, desmembra do município de Caratinga os distritos de Cuieté, Floresta e Tarumirm, para formarem o novo município de Itanhomi. Pela mesma Lei Estadual desmembra do município de Caratinga o distrito de Vermelho Novo, para formar o novo município de Matipó. E, ainda, pela Lei Estadual são criados os distritos de Boachá e Veadinho e anexados ao município de Caratinga.

Pela Lei Estadual n.º 1.035, de 20-09-1928, o distrito de Boachá tomou o nome de Santo Estevão.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o município é constituído de 8 distritos: Caratinga, Bom Jesus do Galho, Entre Folhas, Inhapim, Santana do Imbé, Santo Antônio do Manhuassu, Santo Estevão e Veadinho.

Pelo Decreto-lei Estadual n.º 148, de 17-12-1938, desmembra do município de Caratinga o distrito de Inhapim, Santo Estevão e Veadinho, para formarem o novo município de Inhapim. Pelo mesmo Decreto-lei é criado o distrito de Ubaporanga e anexado ao município de Caratinga, além do distrito de Tarumirim como novo município.

O Decreto-lei Estadual n.º 1.058, de 31-12-1943, desmembra do município de Caratinga o distrito de Bom Jesus do Galho, elevado à categoria de município.

Pela Lei Estadual n.º 336, de 27-12-1948, foram criados os distritos de Dom Lara, Santa Bárbara, Santa Rita e Sapucaia e anexados ao município de Caratinga. Pela mesma Lei Estadual os distritos tiveram as seguintes modificações: Santo Antônio do Manhuassu passou a grafar Santo Antônio do Manhuaçu, e Entre Folhas passou a ser grafado Entre-Folhas e foi rebaixado à categoria de subdistrito.

Pela Lei Estadual n.º 1.039, de 12-12-1953, foram criados os distritos de Vargem Alegre (ex-povoado de Entre-Folhas), São Cândido, São João do Jacutinga e Vargem Alegre e anexados ao município de Caratinga.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído de 12 distritos: Caratinga, Dom Lara, Entre Folhas, Imbé, Santa Bárbara, Santa Rita, Santo Antônio do Manhuaçu, São Cândido, São João do Jacutinga, Sapucaia, Ubaporanga e Vargem Alegre.

Pela Lei Estadual n.º 8.285, de 08-10-1982, é criado o distrito de Ipaba, criado com terras desmembradas do distrito de São Cândido e anexado ao município de Caratinga.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1983, o município é constituído de 13 distritos: Caratinga, Dom Lara, Entre Folhas, Imbé, Ipaba, Santa Bárbara, Santa Rita, Santo Antônio do Manhuaçu, São Cândido, São João do Jacutinga, Sapucaia, Ubaporanga e Vargem Alegre. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1988.

Pela Lei Complementar n.º 04, 05, 06, 07, de 29-08-1991, é criado o distrito de Cordeiro de Minas, Piedade de Caratinga, Patrocínio de Caratinga e Santa Lucia de Caratinga, anexado ao município de Caratinga.

Pela Lei Complementar n.º 11 e 12, de 14-04-1992, é criado o distrito de Santa Efigênia de Caratinga e Dom Modesto, eanexado ao município de Caratinga.

A Lei Estadual n.º 10.704, de 27-04-1992, desmembra do município de Caratinga os distritos de Entre Folhas, Ipaba, Santa Bárbara do Leste (ex-Santa Bárbara), Santa Rita de Minas (ex-Santa Rita), Ubaporanga e Vargem Alegre, todos elevados à categoria de município.

Em divisão territorial datada de 1993, o município é constituído de 13 distritos: Caratinga, Cordeiro de Minas, Dom Lara, Dom Modesto, Imbé, Patrocínio de Caratinga, Piedade de Caratinga, Santa Efigênia de Caratinga, Santa Luzia de Caratinga, Santo Antônio do Manhuaçu, São Cândido, São João do Jacutinga e Sapucaia.

A Lei Estadual n.º 12.030, 21-12-1995, desmembra do município de Caratinga os distritos Piedade de Caratinga e Imbé de Minas, elevados à categoria de município.

Bandeira e Brasão da Cidade de Caratinga

Geografia

População [2022]: 87360 (IBGE)

Densidade Demográfica [2022]: 69.41 hab./km² (IBGE)

Área Total: 1258.69 km² (FJP)

Área Urbanizada [2019]: 0.92 km² (IBGE)

Divisas:

População

Distrito Criação População % População
Caratinga 66467 hab. 76.08%
Cordeiro de Minas 1991 2669 hab. 3.06%
Dom Lara 1948 976 hab. 1.12%
Dom Modesto 1992 1050 hab. 1.20%
Patrocínio de Caratinga 1991 2132 hab. 2.44%
Santa Efigênia de Caratinga 1992 2689 hab. 3.08%
Santa Luzia de Caratinga 1991 2730 hab. 3.13%
Santo Antônio do Manhuaçu 1890 2099 hab. 2.40%
São Cândido 1953 2712 hab. 3.10%
São João do Jacutinga 1953 1245 hab. 1.43%
Sapucaia 1948 2591 hab. 2.97%
- - 87360 hab. -

Território

Distrito Área Densidade % Área
Caratinga 111.14 km² 598.05 hab/km² 8.83%
Cordeiro de Minas 152.93 km² 17.45 hab/km² 12.15%
Dom Lara 65.70 km² 14.86 hab/km² 5.22%
Dom Modesto 19.13 km² 54.89 hab/km² 1.52%
Patrocínio de Caratinga 124.11 km² 17.18 hab/km² 9.86%
Santa Efigênia de Caratinga 82.57 km² 32.57 hab/km² 6.56%
Santa Luzia de Caratinga 84.33 km² 32.37 hab/km² 6.70%
Santo Antônio do Manhuaçu 316.18 km² 6.64 hab/km² 25.12%
São Cândido 149.78 km² 18.11 hab/km² 11.90%
São João do Jacutinga 55.00 km² 22.64 hab/km² 4.37%
Sapucaia 97.80 km² 26.49 hab/km² 7.77%
- 1258.69 km² 69.41 hab/km² -

Aspectos Naturais

Clima:

Temperatura:

Índice Médio Pluviométrico Anual:

Hidrografia:

Bioma: Mata Atlântica

Vegetação:

Fauna:

Relevo:

Altitude Máxima:

Altitude Mínima:

Economia

Agropecuária:

Extrativismo:

Indústria:

Comércio e Serviços:

Impostômetro | Arrecadação de Impostos 2019 a 2022:

Ano Valor
2023
2022
2021
2020

Mais Dados:

PIB per capita [2020] R$
Receitas de Fontes Externas [2015] %
Salário médio mensal dos trabalhadores formais [2021] 1,7 salários mínimos
Pessoal Ocupado [2021] 9.944 pessoas
População Ocupada [2021] 19,68%
Mortalidade Infantil [2020] 4,84 óbitos por mil nascidos vivos
Internações por diarreia [2016] 1,1 internações por mil habitantes

Educação

Escolas Estaduais:

Escolas Municipal:

Escolarização de 6 a 14 anos [2010]
IDEB – Anos iniciais do E.F [2021]
IDEB – Anos finais do E.F [2021]
Matrículas no E.F [2021]
Matrículas no E. Médio [2021]
Docentes no E.F [2021]
Docentes no E. Médio [2021]
Escolas: E.F [2021]
Escolas: E. Médio [2021]

Cultura

Datas comemorativas

Dezembro - Dia da Emancipação Política do Município

Relação de Bens Protegidos pelo Município, pela União ou pelo Estado

Folias de Minas (Proteção Estadual)
Violas de Minas (Proteção Estadual)

Patrimônio Cultural

Turismo

Turismo Histórico-Cultural:

Ecoturismo:

Turismo Rural:

Turismo de Esportes:

Turismo de Negócios:

Turismo Gastronômico:

Turismo Religioso:

Esporte

Futebol: Campeonato Municipal

Futsal:

Ciclismo:

Atletismo:

Esportes Radicais:

Bairros, Distritos e Comunidades Rurais

Distritos de Caratinga

Atualmente são 11 distritos, Caratinga (distrito-sede), Cordeiro de Minas, Dom Lara, Dom Modesto, Patrocínio de Caratinga, Santa Efigênia de Caratinga, Santa Luzia de Caratinga, Santo Antônio do Manhuaçu e São Cândido

1. Caratinga

O distrito-sede de Caratinga tem uma área de 111.14 km² dos 1258.69 km², ou seja, 8.83% do território.

Mapa do Distrito de Caratinga

2. Cordeiro de Minas

O distrito de Cordeiro de Minas tem uma área de 152.93 km², ou seja, 12.15% do território, a lei de criação do distrito é a Lei Complementar Municipal Nº 004/91 de 29/8/1991.

Mapa do Distrito de Cordeiro de Minas

3. Dom Lara

O distrito de Dom Lara tem uma área de 65.70 km², ou seja, 5.22% do território, a lei de criação do distrito é a Lei Estadual Nº 336 de 27/12/1948.

Mapa do Distrito de Dom Lara

4. Dom Modesto

O distrito de Dom Modesto tem uma área de 19.13 km², ou seja, 1.52% do território, a lei de criação do distrito é a Lei Complementar Municipal Nº 012/92 de 14/4/1992.

Mapa do Distrito de Dom Modesto

5. Patrocínio de Caratinga

O distrito de Patrocínio de Caratinga tem uma área de 124.11 km², ou seja, 9.86% do território, a lei de criação do distrito é a Lei Complementar Municipal Nº 006/91 de 9/9/1991.

Mapa do Distrito de Patrocínio de Caratinga

6. Santa Efigênia de Caratinga

O distrito de Santa Efigênia de Caratinga tem uma área de 82.57 km², ou seja, 6.56% do território, a lei de criação do distrito é a Lei Complementar Municipal Nº 011/92 de 14/4/1992.

Mapa do Distrito de Santa Efigênia de Caratinga

7. Santa Luzia de Caratinga

O distrito de Santa Luzia de Caratinga tem uma área de 84.33 km², ou seja, 6.70% do território, a lei de criação do distrito é a Lei Complementar Municipal Nº 007/91 de 9/9/1991.

Mapa do Distrito de Santa Luzia de Caratinga

8. Santo Antônio do Manhuaçu

O distrito de Santo Antônio do Manhuaçu tem uma área de 316.18 km², ou seja, 25.12% do território, a lei de criação do distrito é a Lei Estadual Nº 1.039 de 12/12/1953 (Decreto Estadual nº 16 de 6/2/1890).

Mapa do Distrito de Santo Antônio do Manhuaçu

9. São Cândido

O distrito de São Cândido tem uma área de 149.78 km², ou seja, 11.90% do território, a lei de criação do distrito é a Lei Estadual Nº 1.039 de 12/12/1953.

Mapa do Distrito de São Cândido

10. São João do Jacutinga

O distrito de São João do Jacutinga tem uma área de 55.00 km², ou seja, 4.37% do território, a lei de criação do distrito é a Lei Estadual Nº 1.039 de 12/12/1953.

Mapa do Distrito de São Cândido

11. Sapucaia

O distrito de Sapucaia tem uma área de 97.80 km², ou seja, 7.77% do território, a lei de criação do distrito é a Lei Estadual Nº 336 de 27/12/1948.

Mapa do Distrito de São Cândido

Comunidades Rurais

Comunidades Quilombolas

Mapa da Cidade de Caratinga

Tempo na Cidade de Caratinga

Fontes:

IBGE, Fundação João Pinheiro, Site da Prefeitura de Caratinga, Iepha, Cefedes, Wikipédia, Minas, Emater.