Home > Jequitinhonha > Distrito do Cajú: Turismo Em Jequitinhonha

Distrito do Cajú: Turismo Em Jequitinhonha

Distrito do Cajú: Turismo Em Jequitinhonha

História

O Distrito do do Cajú é resultado do comércio de gado em torno das grandes fazendas e do fato de ter sido local de passagem de tropeiros. Hoje, devido à decadência de sua primeira atividade econômica, o distrito vive da agricultura de subsistência. Possui aproximadamente 520 habitantes e dista 101 km da sede do município.

O povoado possui traçado irregular, abrigando pequenas construções de moradias e comércio. Possui a praça Dener Guimarães, Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, ao lado se localiza a Igreja de Santo Antônio.

Como Chegar

Para chegar até o local, considerando o distrito sede (Jequitinhonha), é necessário percorrer parte da MG-050, em direção à Pedra Azul, em estrada não pavimentada, em boas condições. Entretanto, é necessário cautela e atenção, pois nesse caminho há várias bifurcações. Uma segunda alternativa para chegar ao Cajú é passar pelo distrito São Pedro. Parte desse caminho é em estrada pavimentada (BR 367).

Turismo e Cultura

No local ocorre a tradicional festa de Santo Antônio, padroeiro local.

Em 2023 aconteceu a 2° Calvagada Santo Antônio

Na comunidade do Palmasso ocorre a festa de Santa Rita de Cássia do Palmasso, no mês de Maio, também com Calvagada.

Sítio Rupestre

Na região encontra-se ainda um inexplorado, e rico sítio rupestre, dos primeiros habitantes, povos indígenas.

Comunidades

Comunidades: Krant, Jequitibá, Craúno, Craunília, Rio Preto, Ilha do Pão, Transilvânia, Oratório, Araçatuba, Boa Vista, Beira Rio, Vai quem Quer, Santo Antônio, Santo Antônio Rural, Chapadinha, Brejão, Maranhão, Campo Novo, Assentamento Franco Duarte, Assentamento Transval, Cachoeira, Laranjeira, Para Terra, Monteiro, Palmasso.

Mapa:

Fontes:

Fonte: Iepha

Fonte: Jequitinhonha MINAS Brasil